Está aqui

Notícias

5 Set 2021
Bom Domingo! A ADASCA tem sido contactada no sentido de confirmar se vai realizar uma sessão de colheitas de sangue na próxima semana nos Bombeiros Velhos de Aveiro. A resposta taxativa é NÃO. No inicio do ano sim, realizou naquele espaço a titulo excepcional algumas sessões de colheitas de sangue porque houve problemas com o piso do Posto Fixo (www.adasca.pt), mas, desde há muito que voltámos ao local habitual, no Mercado Municipal de Santiago. 1º. Piso.
1 Set 2021
Já decorreu um ano que a ADASCA decidiu criar um Projecto Editorial, do qual deu origem à publicação do Boletim InfoADASCA, com 12 edições ininterruptas, surgindo agora a edição nº. 13 com um Suplemento Especial num gesto de justa homenagem ao Poeta Euclides Cavado, que desde a edição zero vem colaborando graciosamente.
30 Jul 2021
O Boletim InfoADASCA completa em Agosto 12 edições. Não tem sido fácil manter este projecto editorial, quiçá o único existente por iniciativa duma associação de dadores de sangue sem fins lucrativos. Apenas com 8 páginas, é impressionante como têm incomodado. O assuntos no âmbito do editorial vão manter-se dentro desta linha: abanar um pouco as consciências. Todas as edições, desde a zero até à presente podem ser lidas no site www.adasca.pt .
1 Jul 2021
“A razão é a lei da Liberdade, o conflito é a mutilação da liberdade”, frase da autoria Harold Lasky com a qual estou inteiramente de acordo. É nossa intenção, nas difíceis circunstâncias da hora actual, conservar a personalidade das nossas opiniões com todas as suas nuances, quer seja como a liberdade de pensamento ou de imprensa. Disponibilizamos aqui neste site mais uma edição do Boletim InfoADASCA, nº. 11 do mês de Julho de 2021, cujo título de capa é: “ Entre 2011 e 2021 Portugal perdeu 40 mil dadores”.
16 Jun 2021
Devo um pedido público de desculpas pelo que aconteceu ontem (Dia 16 de Junho) na brigada no Posto Fixo da ADASCA, espero que seja aceite e compreendido, ainda que o erro não deva ser imputado a esta associação. Tivemos o cuidado, como sempre o fazemos, de informar a senhora Directora do CST de Coimbra que um grupo de estudantes da Universidade de Aveiro ia deslocar-se ali para aderir à dádiva de sangue. A brigada não foi reforçada, nem sequer informada do que iria acontecer, com excepção do administrativo.

Páginas